O Desafio da Gratidão!


O ser humano tem a tendência de focalizar apenas as coisas negativas. Se falamos do tempo, é para reclamar do calor, do frio, da chuva, ou da falta dela. Como é difícil ser grato, reconhecer o quanto recebemos. Ser grato é de fato um grande desafio para todos nós.


Evite enfatizar aquilo que falta em nossa vida. Se focarmos o que falta, nos tornaremos pessoas que só reclamam, murmuram e lamentam. A murmuração foi um dos pecados cometidos pelo povo de Israel em sua peregrinação no deserto que mais ofenderam a Deus. Deus de forma graciosa enviava o maná diariamente, mas o povo não agradecia. As escrituras nos ensina a termos em nossos lábios o louvor e a gratidão ao Senhor. Talvez, num primeiro instante, pode parecer que não existem motivos. Porém, se pensarmos um pouco, logo nos lembraremos de inúmeras razões de agradecimento. É sempre bom fazer uma lista de tudo o que aconteceu de bom em sua vida: seus bens, emprego, seu sustento, saúde, o alimento, os familiares e amigos etc. Ao fazer essa lista e analisar cuidadosamente, você encontrará muitos motivos para agradecer à Deus por tantas bençãos recebidas. Gosto de lembrar do hino 63 do Novo Cântico – As Muitas Bençãos, que traz a seguinte poesia:


“Conta as muitas bênçãos, dize-as de uma vez,

E verás surpreso, quanto Deus já fez”.


Estamos finalizando, pela graça de Deus, mais um ano de muito trabalho, lutas, desafios e acima de tudo superação. Deus como sempre tem sido generoso, gracioso, providente e intencionalmente missionário. Houve crescimento em todas as áreas de atuação da JMP/IPP: número de campos regionais, nacionais e transculturais; construções de templos em várias localidades; consolidações de congregações e organizações de igrejas; a criação da Editora Hebrom e Polo EaD – Mackenzie; a realização da Conferência de Avivamento, Congresso de Plantação de Igrejas e o mega evento que foi o CAL Global 2021, em parceria com a Igreja SaRang da Coreia do Sul; o Projeto 100/05, que avaliou e aprovou 33 novas parcerias para consolidação de congregações em diversos estados do Brasil. Realizamos também a Primeira Feira Nacional de Missões, com a presença de diversos parceiros e apoiadores da JMP.


Caros irmãos, esses são alguns motivos de sermos gratos a Deus. Passamos por muitas dificuldades, tivemos perdas de pessoas queridas e outras batalhas, o que faz parte do processo da obra missionária; porém o SENHOR fez acontecer tudo. Por isso, toda glória seja dada a Ele!


Desejo a todos que fazem a IPP, Conselho, pastores, apoiadores, intercessores e principalmente aos nossos missionários um Feliz ano de 2022, cheio da manifesta bondade de DEUS!


Em Cristo Jesus,


Pr. Mariano Alves Jr

Diretor Executivo da JMP/IPB


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo